As tendências do mercado de marketing digital para a construção de valor em marcas inéditas

Até mesmo na construção de marcas inéditas, o marketing digital tem se tornado uma ferramenta essencial para possibilitar uma escalada notável em curtos espaços de tempo. Com a estratégia certa, aqueles produtos que nunca foram vistos no mercado podem ter um ótimo resultado de vendas e ser valorizados apenas por meio do comércio digital. Mas, segundo João Palazzo, publicitário e profissional de marketing digital especializado em produção de marcas, esse cenário ainda é muito pouco explorado pelos novos empreendedores.

“Muitos empreendedores estão imersos na operação diária de seus negócios e, por vezes, subestimam o poder do marketing digital. A ideia de que o produto por si só é suficiente para atrair clientes já está defasada, assim como acreditar que o e-commerce é apenas um apoio adicional das lojas físicas. A verdade é que, quando bem utilizado, o marketing digital não só impulsiona as vendas, como também constrói uma presença marcante, uma ponte entre as marcas e o público. E ignorar essa realidade é perder a oportunidade de se destacar em um mercado cada vez mais competitivo”, afirma.

Os números falam por si só. Em 2022, a Associação Brasileira de Comércio Eletrônico revelou que o e-commerce movimentou R$ 169,59 bilhões, um balanço que confirma a consolidação do comércio eletrônico no país e que os produtos não precisam mais ser lançados em lojas físicas para ganhar espaço no mercado, conquistar reconhecimento e, principalmente, gerar valor e confiança.

Mas se os resultados são expressivos, quais estratégias utilizar?

Considerado a via rápida para faturamentos expressivos, que podem atingir até oito dígitos de receita em tempo recorde, o marketing digital abre margem para grandes possibilidades de estratégias na internet, sendo o principal espaço a rede social. De acordo com um estudo da agência MARCO, em parceria com o Sebrae, 73% dos brasileiros compraram produtos após a influência de alguma personalidade nas redes sociais, em 2022.

Sendo assim, a principal estratégia utilizada para ampliar o público-alvo e garantir resultados assertivos, apenas com vendas digitais, é o marketing de influência, seja pelo próprio empreendedor ou em parceria com influenciadores digitais.

“As redes sociais nos ajudam a criar uma narrativa envolvente em torno de um produto e permitem a interação direta com o público-alvo, construindo uma comunidade. Mas quando colocamos em prática o marketing de influência, especialmente em parceria com influencers, alcançamos diretamente o público que se identifica com a personalidade, gerando credibilidade e, assim, interesse sobre o produto. Tudo isso sem a necessidade de colocá-lo sobre as prateleiras”, pontua Palazzo.

Desde 2019, o publicitário vem aproveitando as facilidades da internet e utilizando o marketing de influência para que as fábricas fiquem responsáveis pelo desenvolvimento e entrega dos produtos, enquanto ele se dedica, exclusivamente, às vendas e à construção de valor da marca nas redes sociais, seja em parceria com influenciadores ou de forma independente.

Uma dessas marcas é o Tabz Chocolate, que, apesar de ainda estar em fase de lançamento, já está totalmente desenhado para o meio digital, dispensando pontos de venda físicos e contando apenas com o apoio de influencers para atingir um público amplo e engajado. Diante desse panorama, é evidente que o marketing digital segue tendências que moldam não apenas a construção das marcas, mas redefinem os padrões de sucesso no mercado de consumo.

“O marketing de influência é uma dessas tendências, com uma capacidade de transmitir autenticidade que vira o elemento-chave, até mesmo, para produtos que nem foram lançados ainda, como é o caso do Tabz Chocolate. O poder das redes sociais, dos influenciadores digitais e do e-commerce, como um todo, não podem ser descartados pelos empreendedores que querem alcançar uma competitividade inovadora, porque, agora, é essa presença digital que, cada vez mais, ditará o ritmo do sucesso empresarial.”


Publicado

em

por

Etiquetas:

Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *